VENDA- VENDEDOR – VENDIDO

Assim como ocorre com o termo “compra” e suas derivações, os termos venda/vendedor e vendido são usados em diversas situações:

O termo “venda” pode refletir uma série de situações, tais como:

– Pode refletir a fila de vendedores. Exemplo: “tem lote na venda”;

– Pode refletir uma ordem em específico. Exemplo: “Um player vende 300 lotes, pela ICAP, a um determinado preço”. Neste caso, queremos dizer que este player está com uma ordem limitada de venda e aguardando execução;

– Pode refletir uma ordem dada a um broker ou agente autônomo. Exemplo: “Venda x lotes a x preço”.

Já o termo “vendido” reflete o estado da posição atual de um determinado player (ou nós mesmos). Você pode dizer que está vendido em 5 lotes ou pode dizer que a corretora UBS está vendida em 10.100 lotes num determinado dia. Estar vendido significa carregar uma posição vendida (apostada) e que ganhe numa eventual queda de preços.

Por fim o termo “vendedor” pode refletir:

– Uma medida de sensibilidade do mercado, ou seja, dizemos que o mercado está vendedor quando estamos verificando muita agressão de venda. Aliás, essa medida de sensibilidade é uma das mais importantes de todas;

– Também é um termo muito usado para refletir o primeiro nível de preço da fila da venda, ou seja, é comum falarmos: “O mercado é comprador a 2 com vendedor a 2.5 (Lembrando que nós falamos apenas as últimas casas decimais dos preços do spread).

 

 

Quer conhecer outros Jargões utilizados pelos traders profissionais?

Cadastre seu e-mail no campo abaixo e receba gratuitamente um exemplar do Ebook “Jargões do Trader”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo