TRADER

É todo e qualquer individuo que negocia ativos para si ou em nome de uma Instituição. A grande diferença entre um trader e um investidor é o prazo operacional. Um investidor costuma alocar recursos em determinados ativos e espera a maturação, diferentemente do trader que busca extrair resultados de oscilações de médio, curto e curtíssimo prazo.

Existem alguns tipos de traders classificados pela atribuição. Existem os traders de mesa proprietária que operam recursos da instituição (geralmente são de bancos, assets e fundações), existem os traders de mesa clientes, ou seja, que atendem os clientes de instituições financeiras e existem os traders pessoas físicas (varejo e traders autônomos).

Trader autônomo é uma denominação antiga dada ao profissional de mercado que vive de suas operações. Até uns anos atrás os traders autônomos tinham que operar dentro das corretoras de valores por conta das vantagens operacionais dos sistemas operacionais (Mega Bolsa e GTS) além da conectividade com as bolsas. Atualmente, nós traders autônomos podemos operar de qualquer lugar que possua uma boa conexão de internet, já que as plataformas DMA[1] fornecem igualdade de conexão entre os players.


[1] Direct Market Access – Acesso Direto ao Mercado

 

Quer conhecer outros Jargões utilizados pelos traders profissionais?

Cadastre seu e-mail no campo abaixo e receba gratuitamente um exemplar do Ebook “Jargões do Trader”.