QUANTO DÁ PARA GANHAR EM UM TRADE?

SIMULADOR PARA DAY TRADE – PRÓS E CONTRAS
11 de julho de 2019
Como buscar uma perda no day trade
COMO BUSCAR UMA PERDA NO DAY TRADE
13 de julho de 2019

Olá, eu sou o André Antunes e hoje vou falar a respeito de uma sensação que, se você ainda não passou, certamente passará em sua jornada como trader: o desejo de ganhar mais.

Talvez não tenha sido exatamente assim, mas gostaria que você imaginasse uma operação em que clicou, o mercado andou a seu favor e você realizou o lucro. Mas, por ironia do destino, o preço explodiu e andou expressivamente a favor da sua operação. Certamente você ficou frustrado, não é mesmo? Provavelmente pensou: “Por que não segurei um pouco mais? Conseguiria um lucro muito maior!”.

Instantes depois, o mercado apresentou novamente o mesmo cenário. E você, tomando por base o resultado da operação anterior, abriu uma nova posição com a seguinte mentalidade: “agora eu vou alongar”. Apesar de esta nova operação inicialmente ir a seu favor, você não realiza o lucro, mantém a posição aberta. Mas, ao contrário do trade anterior, o mercado volta e você é obrigado a stopar no prejuízo.

Por que este ciclo se repete? Como posso alongar meus trades obtendo o máximo de lucratividade possível?

Não foque na consequência, comece focando na causa do movimento

Este tipo de questionamento é comum a todos os traders. Eu o tive no meu início, os traders mais experientes com quem convivi também tiveram e agora, em razão do programa SIGMA, recebo de muitos alunos o mesmo tipo de indagação.

Ela ocorre, em parte, devido à própria natureza do ser humano: somos eternos insatisfeitos. Queremos tirar o máximo de proveito daquilo que nos faz bem, sobretudo daquilo que nos faz ganhar dinheiro.

Ocorre que, no mercado, não temos potencial para determinar o quanto queremos. O resultado das nossas operações está nas mãos dos demais traders. Se não houver alguém disposto a continuar pagando cada vez mais caro (no caso de uma compra) ou vender cada vez mais barato (no caso de uma venda), o melhor a fazer é aceitar aquele pequeno lucro sob pena de ver uma operação vencedora se tornar perdedora.

Nesse sentido, a melhor forma de avaliar um movimento do mercado não é analisando sua amplitude, mas sim os eventos que colaboraram para este deslocamento. Em outras palavras, para alongar ou não um trade, é necessário que você avalie o grau de influência dos demais participantes na troca de preço.

Vamos pegar como exemplo um movimento no dólar futuro que conduziu o preço do 2,0 ao 9,0. O trader iniciante focará a amplitude do movimento (para ele, o que mais chamou atenção foi a distância de 7 pontos percorrida pelo preço). Já o trader mais experiente não. Para ele, o mais importante é saber de que forma o preço chegou ao 9,0 e qual o grau de interesse demonstrado pelos demais players durante este deslocamento de preço.

Nós jamais conseguiremos acertar 100% das vezes que o mercado andar forte. Mas é possível aumentar nossas chances quando consideramos algumas variáveis. A principal delas é o tipo de player que atua conosco.

Mantenha as perguntas certas na mente

É certo que avaliar o tipo de player envolvido em um movimento já nos dá uma vantagem muito grande na hora de decidirmos abrir ou não uma posição no mercado. Contudo, outras perguntas também colaboram para definir a força que este deslocamento de preço possui. Lembre-se que é a vontade coletiva dos players que faz o mercado se movimentar. Assim sendo, atente-se para:

  • A quantidade de players atuando em conjunto na mesma direção.
  • Se houve ou não resistência da contraparte durante o deslocamento de preço.
  • Se a contraparte renova a oferta constantemente.
  • Quantos lotes são agredidos.
  • O intervalo de tempo e o tamanho dos negócios executados a mercado.

Esse tipo de reflexão fará uma diferença enorme na hora de decidir alongar ou não o trade.  Além disso, leve em conta também o seu perfil, pois para cada estilo operacional, haverá um conjunto de habilidades específicas que definirão se vale a pena ou não segurar uma operação. Exemplo: se você tem agilidade e gosta de estar ativo no mercado, poderá fazer trades de scalping. Agora, se você é uma pessoa mais estratégica e paciente, trades mais longos serão os mais indicados.

Fato é que, na medida em que for acumulando tempo de tela, você terá mais convicção a respeito do que tirar do mercado. Dê tempo ao tempo e mantenha-se atento àquilo que combina com o seu jeito de ser. Nunca se esqueça que refletimos no mercado o que somos na nossa vida pessoal.

Grande Abraço e Atitude Vencedora Sempre!
André Antunes

E se você tem interesse em conhecer mais, recomendo que Matricule-se agora mesmo no Programa Gratuito Formação de Trader

INSCREVA-SE GRATUITAMENTE NA FORMAÇÃO DE TRADER