Como surgiu o Tape Reading?

COMO-FUNCIONA-O-DAY-TRADE-
COMO FUNCIONA O DAY TRADE?
13 de agosto de 2019
custos operacionais do day trading
QUAIS SÃO OS CUSTOS PARA OPERAR NO DAY TRADE?
15 de agosto de 2019
Como surgiu o Tape Reading

O Tape Reading, ou análise do fluxo de ordens, é uma técnica de trading onde se acompanha a leitura dos negócios fechados juntamente com a dinâmica do book de ofertas. Em essência, o Tape Reading fornece ao trader uma alavanca, ou seja, um meio de se aproveitar das informações mais qualificadas obtidas pelos grandes players do mercado mesmo sem saber quais são exatamente. O Tape Reading busca identificar mudanças na movimentação dos preços provocadas por esses players e, assim, se posicionar no mesmo sentido que eles de modo a obter uma fatia dos lucros desse movimento para si.

            Para entender melhor o Tape Reading, você precisa compreender dois conceitos básicos: Book de ofertas e Agressão. O Book de ofertas é a ferramenta que registra todas as ofertas de compra ou de venda, em seus diferentes preços e quantidades. Assim, sempre que um operador tem a intenção de comprar ou vender uma ação a um determinado preço, essa informação é incluída no book de ofertas, para que o mercado tenha ciência dela, e fica aguardando o comprador ou vendedor que irá concretizá-la. Chamamos a este último de Agressor, pois ele agride o mercado, dando início a uma transação.

            Embora a ideia do Tape Reading seja simples, na prática acabam surgindo outros fatores que complicam um pouco a sua execução. Um dos principais é o próprio “barulho” do mercado, já que milhares de ofertas de compra ou de venda são enviadas ao book de ofertas de momento a momento, sendo difícil para o trader iniciante diferenciar a agressão provocada por um grande player da agressão comum, sem relevância, para o seu operacional, habilidade esta que só é possível de aprender com horas e mais horas de prática em frente à tela.

            Dada a importância e relevância do Tape Reading para traders, nada mais lógico do que entender como essa técnica se formou.

A história do Tape Reading

            O Tape Reading é um método quase tão antigo quanto as modernas Bolsas de Valores em si. No ano de 1867, surge a primeira máquina de telégrafo, que imprimia em uma pequena fita de papel os preços e as quantidades de ações negociadas na Bolsa, de modo que não era mais necessário para as corretoras e bancos depender de alguém no salão de negociação para ter acesso a essas informações.

            O Tape Reading passa então a se popularizar rapidamente entre os operadores de pregão das Bolsas de Valores americanas, visto que fornecia uma base concreta para a tomada de decisão e, ao mesmo tempo, baseava-se na ideia de aproveitar o início de uma nova de movimentação de preço, gerada a partir da atuação de grandes investidores institucionais, muitas vezes munidos de informações mais qualificadas que o Tape Reader médio.  

            Poucos anos depois, com o surgimento do telefone, o Tape Reading passa a se tornar ainda mais dinâmico, pois os operadores de bancos e corretoras baseados no pregão recebiam suas ordens de compra/venda diretamente pelo telefone. Da sede de seus escritórios, os players institucionais enviavam suas ordens a esses operadores e o leitor de fluxo se beneficiava da leitura da fita dos negócios executados, percebendo ainda mais rápido o início de uma grande movimentação de preço no mercado.

            Nesse momento inicial do Tape Reading, é interessante notar que muitas vezes os operadores autônomos se posicionavam em locais estratégicos no pregão para observar as ordens executadas pelos representantes dos grandes players e assim, atuar na mesma direção que eles, possibilidade esta que deixou de existir com o advento dos meios eletrônicos de negociação. É justamente por estar observando o comportamento dos demais participantes que o Tape Reading pode ser classificado como uma habilidade de leitura comportamental.             Atualmente, com o fim do pregão de Viva Voz, a técnica do Tape Reading precisou se reinventar e passou a fazer uso de novas ferramentas. Entre essas, a mais importante é a plataforma de negociação utilizada pelo trader, que precisa contar com baixíssima latência e alta velocidade de execução, para que possa aproveitar as oportunidades que surgem com a entrada de um grande player no mercado.

Grande Abraço e Atitude Vencedora Sempre!
André Antunes

E se você tem interesse em conhecer mais, recomendo que Matricule-se agora mesmo no Programa Gratuito Formação de Trader

INSCREVA-SE GRATUITAMENTE NA FORMAÇÃO DE TRADER