COMO ALCANÇAR A LIBERDADE FINANCEIRA?

taxa selic
O QUE É TAXA SELIC?
23 de novembro de 2019
Jesse Livermore
TRADERS DE SUCESSO: JESSE LIVERMORE
27 de novembro de 2019
Como-atingir-a-liberdade-financeira

Alcançar a liberdade financeira é um dos grandes objetivos compartilhados pela maioria absoluta das pessoas em idade de trabalho, porém são poucos os que realmente entendem o que é, de fato, liberdade financeira e o que fazer para alcançá-la.

            Portanto, neste artigo iremos mostrar o que significa ser financeiramente livre e quais os melhores caminhos para trilhar essa jornada.

O que é liberdade financeira?

            É comum que o conceito de liberdade financeira seja confundido com a ideia de ter muito dinheiro disponível, seja essa cifra de $1 milhão, $10 milhões, ou mais. Entretanto, o conceito de liberdade está necessariamente ligado à perpetuidade, pois você certamente não poderá se considerar livre, caso essa liberdade tenha prazo de validade. E é aí que entra o grande cerne da questão.

            Ter muito dinheiro acumulado não te faz financeiramente livre, por maior que seja o montante, já que esse dinheiro um dia acabará e a falta dele fará você voltar ao mesmo estágio anterior. Liberdade financeira, portanto, não é ter um capital acumulado impressionante, mas sim a habilidade de gerar renda significativamente superior ao seu custo de vida, de modo contínuo e com razoável possibilidade de perpetuar essa geração de renda ao longo do tempo.

Como atingir a liberdade financeira?

            Como você pode perceber, a ideia da liberdade financeira está intimamente ligada com a ideia de fazer o seu dinheiro trabalhar por você, gerando frutos contínuos. Um dos melhores meios de atingir esse objetivo é através do mercado financeiro, que te possibilita construir um patrimônio a longo prazo de forma razoavelmente previsível, desde que você tenha um plano claro e não alimente expectativas irreais.

          Nesse sentido, podemos falar em dois meios para construir a sua independência financeira através da Bolsa de Valores:

– Investimento

– Especulação

          Investimento é a atividade de comprar ações de empresas com excelentes fundamentos econômicos, com a finalidade de se tornar sócio delas por tempo indeterminado, participando ativamente de seus lucros e eventuais prejuízos. Para atingir a liberdade financeira através dos investimentos, você deve chegar a um patamar no qual a soma dos dividendos que recebe das empresas em que investiu são superiores ao seu custo de vida.

            Essa tarefa costuma ser lenta. Portanto, é necessário ter paciência e disciplina para chegar lá. Estamos falando aqui de 20, 30 ou talvez até 40 anos em alguns casos. Logo, você deve ter um emprego enquanto investe e, idealmente, fazer aportes periódicos a fim de acelerar o processo.

            Especulação, por outro lado, é o ato de negociar com ações, ora comprando na baixa para vender na alta, ora vendendo ao preço atual para posteriormente recomprar a um preço mais baixo (a chamada venda a descoberto). No mercado, chamamos os especuladores de traders e a frequência da negociação pode variar bastante, desde frequência diária, com operações que se iniciam e terminam em um único dia (Day Trade)(link), frequência média, com operações que podem durar de alguns dias ou semanas (Swing Trade), ou até vários meses, chegando a anos de duração (Position trade).

            A vantagem do trade é que ele oferece a possibilidade de que você atinja a liberdade financeira em uma velocidade muito mais rápida do que o investimento. Ao invés de décadas, você pode pensar em alguns poucos anos até alcançar o seu objetivo. Por outro lado, a jornada do trader costuma também ser mais arriscada do que a do investidor, o que requer maior preparo e uma formação adequada para não virar estatística na Bolsa de Valores