AJA COMO UM TRADER CONSISTENTE E NÃO COMETA ESSE ERRO

como prever o mercado de ações
COMO SABER SE O MERCADO VAI SUBIR OU CAIR?
8 de julho de 2019
QUANDO VOCÊ REALMENTE VIRA TRADER
10 de julho de 2019

No artigo de hoje vou tratar de um erro muito perigoso, principalmente para os traders iniciantes, que os mais experientes já não cometem mais. Podem até ter cometido no passado, mas certamente já o deixaram no passado: casar com uma posição.

Normalmente, esse tipo de erro ocorre em situações de mercado que fogem do previsto. Por exemplo: você está operando dólar futuro, comprou 1 lote a 4,0 e espera que continuem agredindo a venda nos níveis de preço subsequentes. Chegam até a comprar um pouco a 4,5, mas logo em seguida dão boletada para dentro da fila de compra, que leva o mercado ao 1,5. É nessas situações que corremos o risco de travar e casar com a posição.

A chance de travar quando algo fora do comum acontece decorre da tendência natural de, primeiramente, procurarmos entender o que aconteceu. A reação mais coerente seria estancar a perda para aí sim entender o que há no mercado. Mas, como somos pegos de surpresa, nossa primeira reação é tentar descobrir a causa daquele movimento brusco.

Ocorre que, essa pausa, muitas vezes eleva nosso prejuízo, nos coloca em espiral negativa e, a partir deste momento, deixamos a razão de lado e assumimos um papel de torcedor. São momentos em que nossa análise deixa de ser objetiva e passamos a olhar para a tela procurando sinais que apenas corroborem com a posição que mantemos no mercado.

Aceitar o risco é aceitar que tudo pode acontecer

Já abordei em outros artigos a questão da imprevisibilidade do mercado e o quanto este conceito é importante para o sucesso de um trader. Mas, se pudesse apontar o seu principal benefício, diria que está na aceitação do risco de operar.

Aceitar o risco significa aceitar que tudo pode acontecer, inclusive aquilo que é impossível prever. Não é apenas stopar uma operação, é aceitar que estamos sujeitos a passar por situações inesperadas que nos farão stopar além do planejado.

No fundo, quem trava e casa com uma posição ainda tem muita dificuldade em aceitar a imprevisibilidade do mercado. Esse trader até aceita stopar uma operação, mas só se preparou mentalmente para os casos em que o mercado vem de forma cadenciada contra a sua posição, isto é, onde é fácil perceber que tem que stopar.

Agora, nas situações em que, num piscar de olhos, o mercado já está além do ponto onde você estava disposto a stopar, a indecisão é maior porque é um evento totalmente excepcional e inesperado. Por isso que é mais difícil de aceitar.

E quais as consequências de quem casa com a posição André?

A primeira delas, como disse anteriormente, é travar, ou seja, você congela e não toma nenhuma atitude. Esse bloqueio mental faz com que você pare de analisar o mercado e passe a delirar, a querer que o preço volte ao seu ponto de entrada e zerar a operação sem prejuízo.

A partir deste momento, você passa a querer que o mercado resolva um problema seu! Mas, como o mercado é livre e faz o que quer, ele continua galgando novos níveis de preço contra a sua posição e o seu prejuízo inicial aumenta 2, 3, 4 ou até mesmo 20 vezes.

É aí que mora o perigo, pois com o aumento do prejuízo você começa a dar importância para coisas que normalmente não daria. E além do mais, coisas que não guardam relação alguma com o mercado (indicadores técnicos, por exemplo). Além disso, passa a procurar informações que ofereçam conforto psicológico, tais como notícias, opiniões de outros traders, chats de analistas etc., tudo com o objetivo de evitar a dor de assumir um prejuízo maior que o esperado.

O primeiro prejuízo é sempre o melhor

Casar com uma posição não é ruim apenas do ponto de vista psicológico. Financeiramente, esse erro poderá leva-lo a um prejuízo infinito, porque é muito comum cairmos na tentação de fazer preço médio e “consertar” a operação. Porém, a verdade é que uma operação ruim será sempre uma operação ruim e o melhor a fazer é encerra-la e estar novamente disponível no mercado.

É por isso que defendo a ideia de que o trader deve pensar não em uma operação específica, mas em uma série de trades. Quando você acredita que há mais por vir, fica mais fácil se desapegar de uma posição errada. Logo, não foque em um trade específico, foque em executar corretamente as próximas 20/30 operações. Pensar em deixar de atuar nas demais oportunidades que o mercado oferece simplesmente porque uma deu errado é algo totalmente sem sentido.

Por fim, evite estipular metas do tipo “não fazer”. Nosso cérebro tem enorme dificuldade para entender o “não”. Ao invés de dizer “não vou mais casar com a posição”, experimente focar em uma ação específica do tipo: “se o mercado vier violentamente contra a minha posição, minha primeira atitude será stopar”. Esse tipo de discurso é mais fácil de colocar em prática, porque o foco está na ação, não na abstenção.

Grande Abraço e Atitude Vencedora Sempre!
André Antunes

E se você tem interesse em conhecer mais, recomendo que Matricule-se agora mesmo no Programa Gratuito Formação de Trader

INSCREVA-SE GRATUITAMENTE NA FORMAÇÃO DE TRADER